quinta-feira, 30 de outubro de 2014

escrita em 1999

Hoje é o perdão que não chega
mesmo porque ainda não me arrependi.
Se eu tivesse ido embora antes de
apanhar talvez, mas não.
Eu quis todos sabores.
Como sempre, quis provar tudo;
gulosa, tive de vomitar
e engoli o remédio amargo
do castigo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Eu me reservo o direito de não responder perguntas cuja resposta esteja no próprio post. Comentários imbecis e sem embasamento estão sujeitos a ridicularização. Comente por sua conta e risco. Obrigada!